Temer adia reunião com Jungmann e comandantes das Forças Armadas

19 de maio de 2017, 11:51

A reunião prevista para acontecer na manhã desta sexta-feira (19) entre o presidente Michel Temer e o ministro da Defesa Raul Jungmann (PPS-PE), acompanhado por comandantes das Forças Armadas, foi adiada para o final da tarde. Com a expectativa para a divulgação completa do material das delações dos donos da JBS, Temer decidiu postergar o compromisso.

Jungmann ameaçou deixar o ministério caso Temer não renunciasse, mas, na noite desta quinta (18), voltou atrás e divulgou uma nota dizendo que permanecerá no cargo “em cumprimento das funções para as quais foi nomeado pelo Senhor Presidente da República”.