terça-feira, 22 de junho de 2021

Rui teme “tragédia maior que março” após o São João

Foto: Alberto Coutinho / GOV-BA / Divulgação

Da Redação

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), disse hoje (10) temer que os índices de contaminação e mortes pela Covid-19 subam após o período de São João na Bahia. De acordo com o petista, existe o risco de o mês de julho registrar índices superiores aos de março, pior mês da pandemia até então.

“Estamos muito preocupados. Em fevereiro, tínhamos oito mil contaminados ativos. Em março, evoluímos para o pior mês desde o início da pandemia e chegamos a 20 mil contaminados. Se em julho do ano passado tinha sido o pior mês de óbitos, com dois mil óbitos, em março chegamos a três mil. Abril passou de dois mil e maio vai passar de dois mil”, afirmou, em entrevista coletiva durante inauguração de policlínica em Eunápolis, no sul da Bahia.

“Se as festas de São João, São Pedro e Santo Antônio provocarem uma nova avalanche de casos, nós não temos mais 40% dos leitos vazios para recepcionar. Só temos 15%. O receio é que os primeiros dias de julho tragam uma tragédia ainda pior do que foi o mês de março. Se não conseguirmos regular os pacientes em até 24h, está mais do que comprovado que a taxa de mortalidade aumenta”, alertou.

10 de junho de 2021, 16:49

Compartilhe: