terça-feira, 22 de junho de 2021

Projeto Memórias Situadas dá início a diálogos sobre a Casa do Benin

Foto: Divulgação

Da Redação

O projeto “Memórias Situadas: A Casa do Benin na Bahia” deu início, nesta terça-feira (20), a oficinas de diálogo e interlocução acerca das múltiplas memórias e atravessamentos que constituem a Casa do Benin, colocando em movimento seus aspectos históricos, técnicos e políticos. Os encontros virtuais acontecerão até esta quarta (21), das 18h às 21h, através da plataforma Google Meet. A proposta da oficina é construir um espaço de troca mediado pelas características e histórias do espaço cultural.

Contemplado pelo Prêmio Jaime Sodré de Patrimônio Cultural da Fundação Gregório de Matos, o projeto tem apoio da Prefeitura, por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc. Os interessados em arquitetura, arte, memória, cidade, história baiana e afro-brasileira, inscritos através formulário virtual, vão participar de encontros gratuitos que pretendem impulsionar a reflexão coletiva em torno das cidades, museus, arquiteturas, espaços e territórios, a partir dos trânsitos que os compõem.

20 de abril de 2021, 21:58

Compartilhe: