domingo, 5 de abril de 2020

O Campo Grande está pequeno para o Carnaval de Salvador?

Foto: Thyara Araujo

Davi Lemos

A sobrevivência do Carnaval no Circuito do Campo Grande foi tema nas conversas entre políticos – o prefeito ACM Neto e o vice Bruno Reis se posicionaram nesta segunda-feira (24), como registrou Toda Bahia -, mas é preciso considerar o que parece ser o principal motivo para o esvaziamento: a vontade do folião. ACM Neto, inclusive, apontou esse quesito.

Mudanças 1

Os saudosistas podem lembrar do encontro de trios na Praça Castro Alves, que fechava o festejo na noite de terça-feira de Carnaval. Havia as mortalhas … mas, o Carnaval mudou, e também não mais existem as fubicas e os paus elétricos, mas parafernalhas cada vez maiores e tecnológicas – nem Armandinho Macedo e seus irmãos usam uma fubica.

Mudanças 2

O espaço do Carnaval sempre foi assunto polêmico. Em 2012, Carlinhos Brown chegou a sugerir um circuito no Comércio, o “Afródromo” – não houve esse circuito, mas há hoje carnaval em dez bairros da capital. A folia no Barra-Ondina agigantou-se, registrando recordes inimagináveis no sábado e no domingo deste ano. Nadar contra a maré cansa; e o poder público deve garantir a estrutura onde o Carnaval estiver.

Mudanças 3

Quem imaginaria, há 20 anos, dez dias de festa? Furdunço, Fuzuê, Pipoco, etc. Há uma década, esse aumento no número de dias seria impensável. É natural que o fluxo do Carnaval seja alterado, que em cada ano organize-se de uma forma. Nesta segunda, por exemplo, a Pipoca de Kannário lotou o Campo Grande. Se as grandes atrações forem à Avenida, o público retornará.

A mudança que não colou

O que não deu certo nesse Carnaval e causou temor em foliões foi a iniciativa do Comando da Polícia Militar de retirar as patrulhas dos circuitos – houve um pedido de artistas que não pensaram direito o problema; e o Comando, talvez sem pensar muito também, cedeu. No meio da Folia, o policiamento foi reforçado; afinal, polícia é para quem precisa: gostem ou não os Kannários.

24 de fevereiro de 2020, 19:33

Compartilhe: