domingo, 9 de maio de 2021

Mulheres vítimas de estupro relatam detalhes de abusos cometidos por Saul Klein

Foto: Reprodução

Da Redação

O portal Universa, do UOL, teve acesso à íntegra dos depoimentos feitos por vítimas do empresário Saul Klein, que trazem detalhes da violência sexual cometida por ele. Saul Klein tem 67 anos, e é filho mais novo do fundador das Casas Bahia, Samuel Klein.

Ao todo 32 vítimas acusam o empresário de estupro e afirmam que ele manteria uma rede de aliciamento e exploração sexual, sendo que cinco delas afirmam que eram menores de idade na época em que os abusos teriam ocorrido.

Nove dessas 32 mulheres descreveram um esquema de abuso organizado pelo empresário.

Segundo o Universa, o empresário é alvo ainda de três processos trabalhistas movidos por pessoas que ajudariam a recrutar modelos e a organizar o dia a dia delas na casa do sítio do empresário. Klein teria ainda se comprometido a pagar R$ 800 mil pelo silêncio das três garotas, o que está registrado em contratos, dois deles confirmados perante a Justiça, enquanto o terceiro com a alegação de que a assinatura teria sido falsificada.

Os primeiros relatos com denúncias de abusos cometidos pelo empresário foram divulgados em dezembro de 2020, após a colunista da Folha de S. Paulo, Mônica Begamo, revelar denúncia contra ele.

Ainda de acordo com o Universa, o perfil das vítimas variava entre 16 e 20 anos. Geralmente, eram jovens desempregadas com o sonho de se tornarem modelos.

Há ainda realtos de casos de mulheres que desenvolveram anorexia e depressão. Uma das jovens recrutadas na escola, conforme os relatos, morreu aos 22 anos, após um período de depressão severa.

Saul Klein continua negando todas as acusações.

30 de abril de 2021, 08:32

Compartilhe: