sexta-feira, 14 de agosto de 2020

Mourão diz que combate ao desmatamento na Amazônia começou tarde

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O vice-presidente Hamilton Mourão, que comanda o Conselho da Amazônia, disse nesta sexta-feira (10) que o recorde de alerta de desmatamento na região em junho deste ano ocorreu porque as ações do governo federal começaram “tarde”.

A Amazônia registrou 1.034,4 km² de área sob alerta de desmatamento em junho, recorde para o mês em toda a série histórica iniciada em 2015.

“Porque começou tarde. Lógico, começou tarde. O começo em maio vai nos dar uma situação, vamos dizer assim, uma melhor em relação às queimadas, mas não ao desmatamento”, afirmou o vice-presidente.

O governo publicou ontem no “Diário Oficial da União” decreto que prorroga até 6 de novembro o emprego da presença das Forças Armadas na Amazônia Legal.

11 de julho de 2020, 08:15

Compartilhe: