domingo, 18 de agosto de 2019

Moro vai ao Senado hoje explicar conversas que teria mantido com Dallagnol

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Redação

O ministro da Justiça Sérgio Moro estará agora pela manhã na Comissão de Constituição e Justiça para explicar as conversas atribuídas a ele e ao procurador da Lava Jata, Deltan Dallagnol, vazadas pelo site The Intercept Brasil.

Segundo a Folha de S. Paulo, Moro deve adotar um discurso de ataque a ação de hackers e dizer que não tem como confirmar o conteúdo das mensagens, apontando ainda que as conversas podem ter sido editadas. Essa tem sido a linha adotada pelo ex-juiz desde as primeiras reportagens sobre o caso e deve ser mantida durante os esclarecimentos aos senadores.

Moro vai ao Senado um dia depois de o site The Intercept Brasil ter divulgado novas conversas entre ele e Dallagnol, dessa vez envolvendo o nome do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Nas conversas, Moro questiona uma investigação sobre o tucano e demonstra preocupação em melindrar o ex-presidente, a quem considerava um importante apoiador da Lava Jato.

19 de junho de 2019, 08:31

Compartilhe: