terça-feira, 20 de abril de 2021

Ministério Público do Rio pede que Flordelis vá a júri popular

Foto: Reprodução

Da Redação

O MP-RJ (Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro ) pediu à Justiça, nesta quinta-feira (4), que a deputada federal Flordelis e mais oito réus sejam levados a júri popular no processo que apura o assassinato do pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019.

A Promotoria relatou a complexidade do caso, no qual 11 pessoas são acusadas de crimes de tentativa de homicídio, homicídio, associação criminosa e uso de documento falso.

Segundo a denúncia, Flordelis foi responsável por arquitetar o homicídio, arregimentar e convencer o executor direto e demais acusados a participarem do crime sob a simulação de ter ocorrido um latrocínio (roubo seguido de morte).

05 de março de 2021, 07:01

Compartilhe: