quinta-feira, 9 de abril de 2020

Fuzuê abre alas para “O Carnaval dos Carnavais” em Salvador

Foto: Valter Pontes / Secom

Da Redação

O Circuito Orlando Tapajós (Ondina/ Barra) já deu o sinal neste sábado (15): começou a maior festa popular de rua do planeta. O Fuzuê, primeiro dia do pré-Carnaval de Salvador organizado pela Prefeitura, atraiu milhares de pessoas que foram conferir a folia à moda antiga atrás das bandas de fanfarra, grupos de percussão, marchinhas, fantasias e, claro, muita alegria.

Acompanhado do vice e secretário de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Bruno Reis, e demais gestores e autoridades, o prefeito ACM Neto foi conferir de perto a festa e aproveitou alguns momentos junto com a multidão. Ele ressaltou o caráter democrático e grandioso da festa na capital baiana, afirmando o compromisso de fazer desta edição o melhor Carnaval de todos os tempos.

“É engraçado porque as pessoas nos falam e comparam com outros destinos no Brasil e ninguém tem um Carnaval como o de Salvador, com a quantidade de atrações, palcos, sete circuitos, dez bairros. Vamos ter as principais atrações do Brasil aqui. São quase 900 mil turistas que estarão na cidade de hoje até quarta-feira de Cinzas. Vemos essa quantidade de pessoas nas ruas e esse pré-Carnaval hoje já é um indicativo do que vem por aí. A gente tem certeza que a folia deste ano vai consagrar o tema escolhido pela Prefeitura, que é ‘O Carnaval dos Carnavais’”, avaliou ACM Neto.

Black Music

O prefeito também salientou que, dentre as novidades da festa em 2020, está um palco para apresentações de artistas da black music, montado no pátio do Espaço Cultural da Barroquinha, no Circuito Osmar (Centro). “A gente vem prestigiando os artistas locais, ou seja, a Prefeitura não contrata artistas de fora para a folia e acompanha as mudanças que estão acontecendo no Carnaval. O mais importante é ver essa quantidade de pessoas na rua”, completou.

“O Fuzuê é um projeto superinteressante que resgata muito o gosto das pessoas e o investimento que a Prefeitura faz para cultuar o folião do futuro. Então, você vê famílias inteiras, crianças de colo, avôs conduzindo os netinhos, sentindo o gostinho do Carnaval e, o mesmo tempo, resgatando a folia que temos dentro da gente”, disse o presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington.

O sábado teve ainda as manifestações culturais Oficina de Frevos e Dobrados, Pierrot Tradição de Plataforma, Barquinha de Bom Jesus dos Pobres, Fanfarra BBG, Banda Big Show, Caretas de Cairu, Fuzuê Junino, Gravata Doida, Grupo Cultural Bambolê, Banda Show Laroyê, Cangaceiros de Ipitanga, Banda Comanches e Banda Percussiva Axé Babá, entre outros.

Veja a galeria de fotos:

Valter Pontes/Secom
Valter Pontes/Secom
Valter Pontes/Secom
Valter Pontes/Secom
Valter Pontes/Secom
Valter Pontes/Secom

15 de fevereiro de 2020, 19:50

Compartilhe: