sábado, 27 de fevereiro de 2021

“Estamos vivendo uma república das corporações”, diz Rui Costa ao criticar Anvisa

Foto: Reprodução/Globonews

Da Redação

O governador Rui Costa (PT) criticou, mais uma vez, a demora da Anvisa em analisar a vacina russa Sputink V, para que possa ser importada e aplicada na população.

Em entrevista à GloboNews, o governador afirmou que, no Brasil, os interesses das corporações estão falando mais alto do que os da população. “Estamos vivendo uma república das corporações”.

Rui diz que Anvisa condiciona a análise para o uso da Sputink V em território nacional à realização de estudos de caso no Brasil.

“Isso não me parece razoável em um período de pandemia. Se todos os países fossem fazer a mesma exigência, levaria anos para vacinar toda a população mundial”, pontuou o governador baiano.

Rui Costa lembrou que países como México e Argentina já estão utilizando a vacina russa. Ele citou uma situação, no início da pandemia, quando a Anvisa proibiu que o governo da Bahia medisse a temperatura dos passageiros que chegavam no aeroporto de Salvador, alegando que essa é uma atribuição do órgão.

“A Anvisa está mais preocupada com autonomia, ao invés de se preocupar com a saúde pública. A vida humana vale mais do que isso”, concluiu o governador.

26 de janeiro de 2021, 10:24

Compartilhe: