segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Desativação da sede da Petrobras em Salvador deve provocar perdas de R$ 15 mi aos cofres do município

Foto: Divulgação

Redação

Prestes a ser anunciada pela Petrobras, a desativação da sede da estatal em Salvador deve provocar perdas de, pelo menos, R$ 15 milhões aos cofres do município, segundo apurou a coluna Satélite, do jornal Correio*. A soma se refere apenas ao ISS arrecadado pela prefeitura sobre serviços da Petrobras, de acordo com dados fornecidos pelos servidores que atuam na área tributária da companhia na capital baiana.

A desativação da sede, que fica em um edifício na Av. ACM, será o ápice do plano da Petrobras para reduzir sua presença na Bahia, que já inclui outras medidas, como a hibernação da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados e a venda da Reginaria Landulpho Alves.

05 de setembro de 2019, 10:29

Compartilhe: