segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Derrota para o Bahia freia expectativa do Vasco no Brasileirão

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

O Vasco ainda não esqueceu a derrota para o Bahia no último sábado. A torcida lotou São Januário e esperava sair do estádio pensando na parte de cima da tabela do Campeonato Brasileiro. Contudo, o resultado mostrou que a luta na competição deve ser mesmo contra o rebaixamento. Quem confirma a informação é o próprio capitão da equipe, Leandro Castán.

“Quem vem jogar no Vasco sabe as condições que o clube apresenta hoje. É um clube em reestruturação e é difícil brigar pela Libertadores contra equipes mais estruturadas. O Vasco é um time de tradição, uma camisa pesada, mas essa é a realidade atual. Esperamos terminar o ano bem para que em 2020 possamos brigar por algo maior”.

Se não dá para pensar em Libertadores da América e o clube está em reestruturação, a torcida quer, no mínimo, tranquilidade no segundo turno para não ter que fazer contas. O próximo compromisso do Cruzmaltino será sábado, contra a Chapecoense, às 19h, em Santa Catarina. O adversário é o vice-lanterna, com apenas 14 pontos conquistados, e terá os desfalques de Márcio Araújo e Gum, suspensos. O Vasco não vai contar com Pikachu, pois recebeu o terceiro cartão amarelo na partida anterior. Por outro lado, o técnico Vanderlei Luxemburgo poderá escalar Richard e Talles Magno, ausentes na partida contra o Bahia. Com a equipe reforçada, Leandro Castán espera reencontrar o caminho das vitórias para superar as dificuldades enfrentadas desde o início do Brasileiro. Informações da Agência Brasil.

10 de setembro de 2019, 16:38

Compartilhe: