sábado, 23 de junho de 2018

Cúpula da SSP amplia ações de segurança com 600 policiais

Equipes das unidades especializadas como o Grupamento Aéreo, o Bope e Batalhão de Choque da Polícia Militar e a Coordenadoria de Operações Especiais da Polícia Civil, no total 600 homens e mulheres, reforçam as ações ostensivas em Salvador, Região Metropolitana e em algumas cidades do interior. O objetivo é reprimir qualquer tipo de ‘toque de recolher’ para fechamento de estabelecimentos comerciais. Na noite de quinta (10), um ônibus foi queimado no Stiep e houve toque de recolher na Boca do Rio.

“O monitoramento esta sendo realizado e o combate ao tráfico de drogas continuará firme, sem dar espaço aos integrantes de organizações criminosas. Ainda não sabemos se os casos na Boca do Rio, São Cristóvão e nas cidades de Catu e Alagoinhas têm relação com a morte de um líder anteontem”, ressaltou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa. Acrescentou que o direito de ir e vir do cidadão não será impedido. “Se precisar e, dentro da lei, usaremos a força”, enfatizou.

O comandante-geral da PM, coronel Anselmo Brandão, por sua vez, informou que diversos bloqueios serão montados na cidade, além da realização de varreduras. “Tudo funcionará normalmente”, concluiu.

11 de agosto de 2017, 21:33

Compartilhe: