quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

China repudia mensagem de Eduardo Bolsonaro que acusa país asiático de espionagem

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Da Redação

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), escreveu em uma rede social na noite desta segunda-feira (23) — e depois apagou nesta terça — uma mensagem sobre o sistema 5G, a internet móvel de quinta geração. O texto dizia que o governo brasileiro declarou apoio a uma “aliança global para um 5G seguro, sem espionagem da China”.

A embaixada da China no Brasil divulgou nota, nesta terça-feira (24), afirmando que são “infundadas” e “solapam” a relação entre os dois países as mensagens publicadas. O deputado é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara.

 

24 de novembro de 2020, 20:59

Compartilhe: