segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Caminhão da Biometria começa a circular por bairros de Salvador nesta quarta (04)

Foto: Ascom/TSE

Quem ainda não realizou a biometria poderá regularizar a situação do título de eleitor na própria comunidade. Graças a uma parceria entre o Executivo municipal e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o Caminhão da Biometria terá parada em três Prefeituras-Bairro. O lançamento acontecerá nesta quarta-feira (4), às 9h, no estacionamento da unidade de Itapuã, na Avenida Dorival Caymmi, nº 17, e contará com a presença do vice-prefeito Bruno Reis, do secretário de Articulação Comunitária e Prefeituras-Bairro de Salvador, Luiz Galvão, e do presidente do TRE, desembargador Edmilson Jatahy Fonseca Júnior. Após a cerimônia, a comunidade já poderá usufruir do serviço, das 9h às 16h.

Nos demais dias (5 e 6), o veículo atenderá as unidades Subúrbio/Ilhas e Cajazeiras, com atendimento das 9h às 16h. Não é necessário realizar agendamento para acessar o serviço. O veículo dispõe de oito kits de atendimento, onde cada um poderá recadastrar até 32 eleitores por hora. O atendimento com hora marcada continua exclusivo dos postos fixos da Justiça Eleitoral. O eleitor que não fizer o recadastramento biométrico terá o título cancelado e não poderá votar nas próximas eleições.

De acordo com Luiz Galvão, é essencial que o eleitor colabore com o processo de implantação do novo modelo de identificação biométrica, pois garante a segurança integral do processo de votação. “Facilitar o acesso do cidadão aos serviços públicos essenciais é uma das maiores preocupações da nossa gestão. Por isso, firmamos essa parceria, levando o Caminhão da Biometria para as localidades mais abrangentes da cidade garantindo o máximo de comodidade para as pessoas e facilitando o acesso ao serviço”, salientou.

A parceria possibilita um atendimento itinerante que visitará todas as regiões da Bahia, começando pela periferia de Salvador, onde 230 mil eleitores ainda estão com os títulos cancelados por conta da revisão biométrica em 2017. A regularização desses títulos é fundamental para garantir a legitimidade do próximo pleito, pois representa cerca de 10% do eleitorado. “Vale ressaltar que a população precisa se conscientizar sobre a importância de submeter-se a esse novo processo de implantação da identidade biométrica, eliminando a possibilidade de fraudes e trazendo mais segurança para todo o processo eleitoral”, reforçou o secretário.

Para acessar o serviço, é necessário estar munido do documento de identificação, com foto e um comprovante de residência recente (emitido há, no máximo, três meses). Para homens de 18 a 45 anos de idade que farão a primeira via do título, é obrigatório apresentar o comprovante de quitação militar (carteira de reservista ou certificado de alistamento militar). A Justiça Eleitoral lembra ainda que, para todos os casos (homens ou mulheres) de alistamento eleitoral (1º título), a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) não é válida como documento de identificação por não conter nacionalidade/naturalidade, assim como o modelo antigo de passaporte, por não conter a filiação.

“É mais uma ação que visa levar um atendimento de excelência aos cidadãos baianos, principalmente a população mais distante dos postos e cartórios eleitorais de suas cidades. Já disponibilizamos o agendamento, fizemos audiências públicas e mutirões, mas decidimos que podíamos avançar ainda mais. Não vamos medir esforços para finalizar a revisão biométrica de maneira confortável para o eleitor”, disse o presidente do TRE, desembargador Jatahy Júnior.

Confira a programação:

04/09 – 9h às 16h – Prefeitura-Bairro Itapuã (Avenida Dorival Caymmi, nº 17).
05/09 – 9h às 16h – Prefeitura-Bairro Subúrbio/Ilhas (Rua Pará, nº 15, Paripe).
06/09 – 9h às 16h – Prefeitura-Bairro Cajazeiras (Campo da Pronaica).

03 de setembro de 2019, 15:17

Compartilhe: