domingo, 1 de agosto de 2021

Bolsonaro diz que ivermectina “mata bichas”, em discurso homofóbico

Foto: Presidência da República

Da Redação

O presidente Jair Bolsonaro deu vazão, nesta quarta-feira (21), a um novo episódio de homofobia, durante uma entrevista à rádio Jovem Pan de Itapetininga, no interior de São Paulo.

Após falar que mais de 200 pessoas tomaram ivermectina para tratar a síndrome respiratória aguda provocada pelo novo coronavírus e que ninguém morreu, o locutor Milton Júnior endossou suas palavras: “Se serve de demonstração, aqui na rádio, todos nós tomamos a ivermectina e ninguém pegou Covid-19”.

Bolsonaro, então, disparou o comentário homofóbico, na sequência da fala do radialista. “Cuidado, que ivermectina mata bichas, hein! Cuidado!”, disse.

21 de julho de 2021, 21:29

Compartilhe: