domingo, 1 de agosto de 2021

Bolsonaristas aproveitam audiência da ‘motociata’ para atacar Dória e imprensa

Foto: Reprodução/Twitter

Da Redação

As redes sociais foram ocupadas por fotos e vídeos da “motociata” em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) hoje (12) na capital paulista. Mas não só para fazer propaganda da força do ato, que reuniu milhares de pessoas: aqueles apontados como adversários do mandatário da nação também foram alvo de ataques, críticas e ironias, em especial o governador de São Paulo, João Doria (PSDB). Mas sobrou também para a imprensa.

O Twitter foi um dos palcos principais das resenhas dos bolsonaristas. “Hora do meme”, postou Amanda Moraes no Twitter, junto com uma montagem de Doria em uma moto rosa que se espalhou pela internet. “É hoje que Doria acaba com o estoque de Rivotril de São Paulo”, comentou Juce Mascarenhas.

A página oficial do PSDB, partido de Doria, chegou a publicar no Twitter uma imagem do começo da concentração da ‘motociata’, ainda com baixa adesão. Junto da imagem, o texto: “Passeio motociclístico pandêmico de Bolsonaro na tela do VAR”. Logo, a página foi inundada por críticas, fotos e vídeos das milhares de pessoas que participaram do evento. “Chora auxiliar do PT”, comentou, por exemplo, Leonardo Netto.

Os bolsonaristas também não perderam a oportunidade de provocar a imprensa, sobretudo a Rede Globo, a CNN Brasil e, sobretudo, a Folha de S. Paulo. “A ‘motociata’ de hoje em São Paulo está descheia e a popularidade de Bolsonaro despiora”, escreveu Bernardo Kuster, numa numa referência ao artigo “Economia dá mais sinais de despiora”, assinado pelo jornalista Vinicius Torres Freire na Folha e que ironizou as comemorações feitas pelo presidente sobre a melhora de índices econômicos no país.

“Alguém viu o ‘Datafoice’? Ah é, esqueci. Só procuram entrevistas em porta de cadeia”, publicou o deputado federal Junio Amaral (PSL-MG). “Não tem para ninguém. Não tem para o Datafolha nem para a ex-grande-imprensa”, postou a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP), que participou do evento. “Aparentemente os jornalistas deste país estão vivendo em uma realidade paralela”, emendou Estela Araújo, seguidora da parlamentar.

Críticos

Reprodução/Twitter

Críticos do presidente também aproveitaram as redes sociais para fazer comentários sobre a “motociata”. “Gostei. Vou enquadrar e colocar do lado da minha churrasqueira”, escreveu Joaquin Teixeira, ao postar um desenho de Bolsonaro em uma moto cercado por crânios e caveiras o seguindo em outros veículos de duas rodas.

“Em meio à pandemia, alto índice de contágio e com alguns hospitais lotados, #BolsonaroGenocida faz mais uma “motofilia” com seus gados. Esse cara realmente sem noção. Esse cara é a vergonha do Brasil”, comentou Hélio Machado.

12 de junho de 2021, 18:10

Compartilhe: