quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Aras organizou festa em casa com nomes do PT baiano e nacional

Foto: Roberto Jayme/ Ascom /TSE

Redação

O nome favorito do presidente Jair Bolsonaro para assumir a Procuradoria-Geral da República, Augusto Aras, deu uma festa em sua casa para o “núcleo duro” do PT há cinco anos, conforme apurou o UOL. Em uma foto obtida pelo site, Aras aparece ao lado de petistas baianos, como o ex-deputado federal Emiliano José e o atual deputado federal Zé Neto.

A festa foi organizada em agosto de 2013 por Aras e sua esposa, Maria das Mercês, para lançar o livro de Emiliano José “Galeria F – Lembranças do Mar Cinzento (IV)”, que traz relatos do ex-deputado na luta contra a ditadura militar.

Entre os convidados estavam ainda Rui Falcão, na época presidente nacional do PT, José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil, e Eva Chiavon, sucessora de Jaques Wagner na Casa Civil no governo Dilma.

Apesar de apontado como favorito por Bolsonaro, integrantes do PSL têm buscado fazer com que o presidente mude de ideia sobre a indicação de Aras para a PGR, justamente por suas ligações com o PT e posicionamentos ideologicamente contrários ao do governo.

No entanto, Aras tem buscado mostrar alinhamento com a pauta do governo Bolsonaro, tendo inclusive feito críticas à criminalização da homofobia e ao que chamou de “ideologia de gênero”.

14 de agosto de 2019, 10:29

Compartilhe: