Município de Cairu vai ganhar ações de proteção aos bens culturais

11 de agosto de 2017, 20:03

O município de Cairu, localizado no Baixo-Sul da Bahia, vai ganhar ações de proteção aos seus bens culturais, materiais e imateriais. Nesta quinta-feira (10), o prefeito de Cairu, Fernando Brito, acompanhado do deputado estadual Rosemberg Pinto, e da secretária de Cultura do município, Graça Peleteiro, assinaram o Termo de Cooperação entre Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac) e Prefeitura para realizar vistorias técnicas, implantar uma Câmara Técnica de Patrimônio, seminários e treinamentos da área de Educação Patrimonial.

De acordo com o deputado Rosemberg Pinto, a região é uma das mais importantes para o turismo baiano, pela rica história, patrimônios edificados e intangíveis, atraindo turistas locais, nacionais e internacionais todos os anos. “Somente a área de Morro de São Paulo, atrai cerca de 20 mil turistas por ano; é o terceiro destino da Bahia, perdendo apenas para Salvador e Porto Seguro”, comentou.

“Não podemos permitir que a história se perca, por isso, a cooperação com o Ipac é fundamental para nosso município”, comentou a secretária de Cairu, Graça Peleteiro. Ela destacou que o Ipac vai fortalecer a preservação das manifestações.